Obras
DIREITO DE LAJE

DIREITO DE LAJE

O direito à moradia é um dos direitos sociais fundamentais inerentes a qualquer indivíduo. Segundo o Censo 2010 do IBGE, o Brasil tinha cerca de 11,4 milhões de pessoas morando em favelas e cerca de 12,2% delas (ou 1,4 milhão) estavam no Rio de Janeiro.
O direito de propriedade não pode ser compreendido como um direito absoluto, exclusivo, ilimitado, inviolável de matriz individualista-liberal, senão deve estar em harmonia com o seu aproveitamento em benefício da coletividade, sob o manto do princípio da função social da propriedade.
O direito de laje, criado pela Lei 13.465/17, advinda da medida provisória 759/2016, surge como um instrumento jurídico para enfrentar a questão da verticalização dos espaços habitacionais brasileiros, mormente, em relação a sobreposição de moradias irregulares (conhecidos como 'puxadinhos'). Este direito já era uma realidade fática (fatos sociais) em diversas comunidades em que o sujeito edificava em construção alheia, visando construir uma unidade para sua moradia.
Esta obra oferece uma clara e detalhada visão do direito de laje, incluindo uma análise comparativa com outros institutos jurídicos, tais como: propriedade, superfície, condomínio, servidão e sobrelevação, incluindo as suas dimensões nos direitos fundamentais de nossa Constituição da República.

Autor: Cleyson de Moraes Mello

Isbn: 978-8593741-79-1
Editora: Processo
Edição: 1ª Edição
Ano: 2020
Pág: 152
Formato: 14x 21, Brochura

Visualizar Sumário

Faça sua compra: Clique aqui